Receba as notícias:

Quatro pesquisadores na lista de mortos do voo 1907 da Gol

A Folha de S. Paulo revela quem eram e o que faziam

2006-10-03
Segundo o jornal brasileiro a Folha de S. Paulo, quatro investigadores pereceram no desastre do voo 1907 da companhia aérea GOL.  «A queda do vôo 1907 vitimou dois pesquisadores do Inpa (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), um da USP e outro do Instituto Agronômico de Campinas. Joana Darc, 53, era doutora em biologia, com ênfase em ecologia. Nascida em Uberaba (MG), possuía dois filhos. Além de integrar o Inpa, órgão vinculado ao Ministério da Ciência e Tecnologia, Darc também era professora da Universidade do Estado do Amazonas e coordenava o Programa Amazonas de Integração da Ciência no Interior», fiz A Folha.

Últimas notícias

Não-me-esqueças, a planta rara redescoberta no Corvo

Da felicidade à dor: entender a função da serotonina

Treinar o cérebro para melhorar a capacidade mulitarefa

Historiadores de linguística de todo o Mundo
reúnem-se na UTAD

A espantosa capacidade de regeneração do pâncreas

Ébola não é porventura tão temível como a gripe

Bloquear os canais de potássio pode salvar vidas

Técnicas de meditação associadas ao budismo tibetano
podem melhorar o desempenho do cérebro

O meu automóvel conduz, estaciona e recarrega-se sozinho

Congresso Mundial de Investigação marinha
no Oceanário de Lisboa

Iraniana é a primeira mulher
a ser distinguida com o «Nobel» da Matemática

Alunos da UMinho desenvolvem protótipos todo-o-terreno

Todos pela Antártida

A Roseta foi ao cometa

Concelhos despovoados e com poucos bombeiros
são os mais atingidos pelos fogos

As barreiras dos serviços de saúde
que afectam os imigrantes

As barreiras dos serviços de saúde que afectam os imigrantes

“La réalité n’existe pas”

Como os mamíferos e as moscas se alimentam:
semelhanças surpreendentes

Células "secundarias" do sistema nervoso são afinal cruciais
para a cognição e doenças mentais

As duas caras da misteriosa Azobenzeno

Investigadores do Minho premiados no Brasil

Avanços na compreensão da doença de Parkinson
abrem novas portas terapêuticas

Ciência Hoje não vai de férias! Apoie este jornal!

Oceans of Hope chega a Lisboa para mudar percepções
sobre esclerose múltipla em Portugal

Com um euro pode combater a dor crónica

Estudo da UMinho avalia efeito de corticosteroides
no desenvolvimento dos bebés prematuros

Rapazes mais depressivos do que elas

Assim em Marte como na Terra

O primeiro genoma foi descodificado
numa cooperação Luso-Brasileira – Desulfovibrio gigas