Receba as notícias:

Glicoconjugados e o seu potencial terapêutico

Artigo

2006-08-27
Por Por Gonçalo J. L. Bernardes *

A construção de conjugados homogéneos de proteínas através da modificação da superfície destas tem o potencial para revolucionar o conhecimento de um dos mais complexos processos biológicos, a posttranslational modification (PTM). Este processo é de vital importância na determinação da função da proteína e na sua estabilidade, estando envolvido em inúmeros processos biológicos desde a inflamação à expressão genética.

* Gonçalo J. L. Bernardes está em Oxford - de onde assina uma Carta de... para o Ciência Hoje - há três anos e neste momento está a completar o 2º ano de DPhil em Chemical Biology. A natureza deste trabalho que nos enviou justifica a sua inclusão em «Revista/ Artigo», secção de CH para as peças de carácter mais técnico.

 Uma grande surpresa aquando da divulgação do genoma humano (homo sapiens, ~20000,~25000), foi o facto de o número de genes não diferir substancialmente de outras espécies bem menos complexas como por exemplo as minhocas (~20000). Isto sugere que outros processos estão envolvidos e são responsáveis pela complexidade do sistema biológico humano, como por exemplo as PTMs.

É sabido que a PTM não está sob controlo genético dando origem a complexas mistura de conjugados proteicos. É também conhecido que cada componente destas misturas tem diferentes funções pelo que para a compreensão da sua função biológica é necessário criar métodos que permitam a construção de conjugados puros de proteínas.

Um dos processos de modificação de proteínas mais comuns é o de glicosilação, tendo sido estimado que cerca de metade das proteínas são glicosiladas. Recentemente, durante parte do meu doutouramento, foi desenvolvido um método que permite a glicosilação de oligossacáridos complexos a uma proteína. Mais precisamente, a introdução directa de um grupo tiol no centro anomérico de oligossacáridos 1 através do uso do reagente de Lawesson’s permite que estes sejam conjugados de um modo selectivo 2 a uma proteína.

Neste caso é usada uma proteína previamente modificada e onde foi introduzido um aminoácido não natural que permite a conjugação química selectiva dos oligossacáridos. Deste modo, conseguimos funcionalizar proteínas e explorar a introdução de marcadores biológicos, como é o caso dos açucares.

Este trabalho foi publicado na revista Angewandte Chemie Int. Ed. (2006, 45, 4007‑4111) e apresentado na forma de comunicação oral na International Carbohydrate Conference em Whistler, BC Canada. Este trabalho foi também reconhecido pelo Linacre College da Universidade de Oxford com a atribuição da EPA Cephalosporin Scholarship que distingue alunos da Universidade de Oxford pelos seus trabalhos no campo da Biomedecina.

Adicionar comentário:

Comentário
Nome:
Email:
Insira as letras na caixa
Ciência Hoje não publica comentários anónimos. Ciência Hoje só publica comentários identificados com nome e email para eventual posterior contacto. Ciência Hoje recusa publicar comentários insultuosos ou ataques pessoais.

Últimas notícias

Dê azeite ao seu coração

Dois jovens cientistas portugueses
entre oito distinguidos pela EMBO

Neste Natal dê o seu apoio ao Ciência Hoje

Efeitos da cafeína diferem com ou sem açúcar?

António Fernandes da Fonseca deixou a “sua marca”
na passagem pelo Mundo!

É possível estudar «cientificamente» as salsichas?
Universidades de Lisboa, Évora e Trás-os-Montes e Alto Douro fizeram investigação

UBI apresenta amanhã em Bruxelas
sistema de propulsão inovador

Podemos fazer algo para minimizar
ou mesmo evitar a demência?

"Santo graal da cardiologia" vence prémio Fundação Altran para a Inovação

Investigador da UC lidera investigação europeia
sobre as doenças de Parkinson e de Machado-Joseph

Equipa internacional revela o "big bang"
da evolução das aves

Henrique Leitão, vencedor do Prémio Pessoa:
“Um curso de física bem dado é uma verdadeira sinfonia”

Instituto do Território lança Agênca da Baixa Densidade

UC entre as instituições europeias que venceram
o projecto “Vida Saudável e Envelhecimento Activo”

Investigação científica da UE aberta para todos

Cientistas portugueses no vulcão da Ilha do Fogo

UC inaugura projecto pioneiro para resolver
problema da fruticultura nacional

Investigadores da UTAD promovem avanços significativos
na compreensão da doença de Alzheimer

Prémios Pfizer entregues hoje

“Espelho mágico” permite ver como as peças de roupa
de uma loja ficam na pessoa

Sexo de pinguins: como determiná-lo

Punir as crianças quando mentem não funciona

LED desenvolvido pela UA quer revolucionar tecnologia
que recebeu Nobel da Física

Habilidades de feira vs. bancos de escola

Beba vinho tinto! Pela sua saúde!

Aveiro «inventa» folha de fruta não comercializada

UMinho quer criar lentes e iluminação para daltónicos

Vinho e cultura melhores do que sol e areia
e Portugal pode beneficiar com isso

Desenvolvido em Espanha um modelo
para detectar a condução agressiva

Distinguido estudo do metabolismo
de células do cancro do pulmão