Receba as notcias:

Google testa carro que anda sem condutor

Automvel pode entregar uma pizza a domiclio sozinho

2010-10-11


Todos se lembram, com certeza, do Kitt – na série de televisão «O justiceiro», dos anos 80 – o carro que falava e andava sozinho. Agora, engenheiros da Google testaram um novo automóvel sem condutor nas ruas da Califórnia. A novidade foi anunciada no blog oficial da empresa.
O veículo usa câmaras de vídeo montadas no tecto, sensores de radar e uma mira a laser para conseguir perceber a presença de outros carros e obstáculos no trânsito, segundo o engenheiro de software Sebastian Thrun. O automóvel, um Prius modificado, pode ir entregar uma pizza a domicílio, sem ninguém no seu interior.

Durante a primeira experiência, um motorista treinado acompanhou os testes dentro do carro para tomar o controlo em caso de alguma falha. O objectivo da Google é eventualmente "reduzir os congestionamentos e o número de acidentes nas ruas". No blog, Thrun disse que os testes já cobriram 225 mil quilómetros. O carro cruzou a icónica ponte Golden Gate, em San Francisco, andou pelas famosas ladeiras da cidade, entre escritórios da Google, e circulou à volta do lago Tahoe, sem sofrer acidentes. Contudo, o veículo acabou por sofrer um pequeno embate, quando o carro estava parado num semáforo.

Sebastian Thrun, professor de ciências da computação e engenharia electrónica na Universidade Stanford, explicou ainda no blog oficial da empresa que as rotas são planeadas e mapeadas por motoristas reais, e a polícia local é avisada com antecedência dos testes. "Este projecto ainda está em estágio experimental, mas a ideia é este transporte poder aparecer no futuro, graças aos avanços das ciências da computação", avançou também.
prata
2010-10-28
16:40
muito fixe

Adicionar comentário:

Comentário
Nome:
Email:
Insira as letras na caixa
Ciência Hoje não publica comentários anónimos. Ciência Hoje só publica comentários identificados com nome e email para eventual posterior contacto. Ciência Hoje recusa publicar comentários insultuosos ou ataques pessoais.

ltimas notcias

Aditivos mais naturais?

UTAD alerta para os riscos do consumo de bivalves
produzidos em ambientes poludos

Podemos prever a evoluo?

Um Nobel de medicina que nem medicina sabe

Menopausa e a osteoporose: estudo premeia
investigadora de Coimbra

A revoluo dos filmes de cristais lquidos

Abutre-preto volta ao Alentejo 40 anos depois

Grafeno mais slica: a revoluo
da indstria tecnolgica do futuro

De como um smartphone pode controlar
a qualidade dos leos de fritar

Ctedra do Real Madrid aprova projecto que envolve
a Universidade de Trs-os-Montes e Alto Douro

Antnio Damsio profere conferncia no Porto

Investigadora portuguesa revela novo mtodo
de deteco precoce de cancro do pncreas

Universidade da Beira Interior
com avanos no cancro da prstata

Investigadores portugueses distinguidos
por avanos na rea da dor

Identidade, valores, modernidade: o meu livro
sobre o pensamento de Onsimo Teotnio Almeida

Nanopartcula entrega molculas teraputicas
a tumores cerebrais malignos

Portugal conquista prmio europeu
de conservao da natureza

E se lhe oferecerem um cho inteligente?

Plantas portuguesas do origem a infuses de qualidade premium

CR7 j no uma estrela! uma galxia!

EGO em Aveiro: uma pea do inventor da plula

Estrutura social importante na conservao de espcies

Philae acordou e mandou notcias

Coimbra indica nova direco para o tratamento
dos vrios tipos de cancro

Aveiro cria o anjo da guarda dos condutores

Cientista portugus financiado por March of Dimes
para estudar malria durante a gravidez

Barcelona cria sistema para avaliao cognitiva
de trabalhadores com deficincia cognitiva

Jos Carlos Prncipe: inovao e cincia
ao servio das empresas

Dar uma mo ou uma pata
o que nos leva a ajudar os outros?

Metodologia inovadora no diagnstico
e tratamento do cancro da mama